Delegacia Especializada dos Desaparecidos em SC

  

A criação de uma delegacia especializada na busca de crianças desaparecidas é lei estadual. Publicada no Diário Oficial do Estado em fevereiro de 2008, a medida legal ainda não sequer saiu do papel.

O vereador César Faria (DEM), de Floripa, encaminhou requerimento ao governador Raimundo Colombo solicitando o cumprimento da lei.
 
 
 
Entenda o Caso
 
A criação de uma delegacia especializada na busca de crianças desaparecidas
(SECRIADE) é lei estadual. Infelizmente não está sendo cumprida. Publicada no
Diário Oficial em fevereiro de 2008, a medida legal ainda não saiu do papel.
Dada a importância do tema, o vereador César Faria (DEM) em
requerimento no dia
07 de abril de 2009 solicitou ao governador o cumprimento da lei.
Os estados do Paraná (SICRIDE) e Brasília (REDESAP) são exemplos a serem
seguidos. Com o avançado sistema de envelhecimento por foto, mídia digital, e
polícia altamente especializada, serve como parâmetro. O resultado obtido é
satisfatório e as localizações de crianças desaparecidas bem como a
prevenção no
desaparecimento têm o respaldo da sociedade como um todo.
Em Florianópolis, apesar do esforço isolado, os dados são incompletos.
 
Em contato com o assessor de imprensa do veredor, o Sr. Roberto Machado informou ao Desaparecidos do Brasil que
será agendado um encontro com o governador do estado, Raimundo Colombo.