Terezinha Berto procura filha

postado em 5 de jun. de 2013 06:56 por DESAPARECIDOS DO BRASIL   [ atualizado em 5 de jun. de 2013 10:40 por Desaparecidos do Brasil ]


Rio do Sul, auto vale catarinense, ela procura a filha que desapareceu em 1985, aos 7 anos de idade.

28 anos à procura da filha Luciana

Dona Terezinha Berto (57) aposentada.

D. Terezinha Berto, hoje aposentada e com 57 anos,  tinha naquela época, pouco mais de 20 anos. Sozinha sem  a ajuda do pai de Luciana, que faleceu alguns anos depois, ela precisava trabalhar para garantir o sustento da criança e então a deixou aos cuidados de uma senhora de nome Rosa.  

Passados alguns anos, um certo dia Terezinha decidiu voltar para Aurora, sua cidade, e comunicou isso para D. Rosa que então pediu para ficar mais duas semanas com a criança  para  acostumar-se com a despedida e também para dar um tempo para  Terezinha
preparar a mudança.


"Prepare tudo e daqui a duas semanas você vem, pega a criança e eu vou junto para ver onde você está morando para eu visitar a Luciana sempre que bater a saudade" disse Rosa.

Duas semanas depois, Terezinha voltou à cidade para buscar a filha e não encontrou mais a vizinha, nem seu marido. Perguntando na vizinhança, informaram que D.Rosa havia mudado e não deixou o novo endereço com ninguém.

Ela não voltou mais! Alguém disse: "Talvez ela tenha  deixado a criança  no Lar das Meninas" . Junto com o cunhado, Terezinha foi até o Lar das Meninas mas não havia sinal da Luciana.

Dona Terezinha conta que nunca falou que deixaria a criança em definitivo com a Rosa. A criança dormia com a mãe e só eventualmente ficava em casa da vizinha, relata.

Luciana ficou sob cuidados da D.Rosa por cerca de 4 anos. Tinha sete quando desapareceu.

À procura de Luciana



Patricia D"Avila






















http://www.youtube.com/watch?v=8lJTfhDJ80A


Comments