Hean Levi - Chen Levi Gavillon


Chen é parte das crianças levadas do Brasil nos anos 80
adotada ilegalmente, vive em Israel e está a procura dos pais biológicos. 



  Chen Levy Gavillon

   O contato inicial se deu em  outubro de 2011, através da Sandra Chialastri, Desaparecidos do Brasil.

 Em Israel existe a possibilidade de se mudar o nome, o que para nós causa  algumas dificuldades nas pesquisas.

 Os documentos originais enviados por Chen constam as seguintes informações:

 NOME ADOTIVO - HEAN LEVY
 NASCIMENTO -  21/08/1985
 
 NA ESCRITURA DE ADOÇÃO CONSTA
 NOME BIOLÓGICO - HEAN BEZERRA
 FILHA DE - MARLENE BEZERRA

 CONSTA EM ANOTAÇÃO FORNECIDA  PELO HOSPITAL 
 NASCIMENTO NO
 HOSPITAL NOSSA SENHORA DAS  GRAÇAS
 BOM RETIRO - SANTA CATARINA
 COM DATA DA ANOTAÇÃO, TALVEZ ALTA DO HOSPITAL
 23/08/85 E ANOTAÇÃO ESCRITA A MÃO DOS NOMES
 DOS FUTUROS PAIS ADOTIVOS, ANATH E ITZHAK

 A ESCRITURA DA ADOÇÃO FOI LAVRADA EM 28 DE AGOSTO DE 1985
 NA CIDADE DO RIO DE JANEIRO E TEM INDÍCIOS DE SER FALSA.
 (DOC. ENVIADOS POR CHEN LEVY GAVILLON  QUE HOJE ASSINA COMO HEAN LEVY)

 



Dossiê e inf. sobre a mãe bio arquivo email Bezerra Marlene Chen 02/02/12
 
DEPOIMENTO:

"Meus pais me trouxeram do Brasil numa época em que muitos pais traziam filhos para Israel. Era uma maneira fácil de se adotar uma criança, isso foi em 86...85..

Nós não falávamos muito sobre isso, criou-se uma sensação desagradável na família em relação a esse tema. Meus pais procuram se explicar nessas conversas. 

Conhecer a família biológica, eu acho que é encerrar um circulo. Dizem que não é possível viver o futuro sem se conhecer o passado. Eu quero saber se tenho irmãos, pessoas que se parecem comigo... 

Eu ficaria feliz se o Brasil criasse uma equipe ou algo onde pudéssemos falar ao invés de ficarmos  procurando em tribunais, hospitais, cartórios, orfanatos. Nós somos crianças que tinham pais, que tinham filhos e nós queremos saber sobre o nosso passado para que tenhamos um futuro limpo..!" Chen Levi  depoimento em vídeo.



hean lev





Comments