Yoav, família encontrada no RS

Mais um feliz resultado - Na procura pela mãe, encontramos e reunimos  
uma grande família e muitos irmãos.
ONDE ESTÃO NOSSAS MÃES?  O Drama vivido por milhares de jovens israelenses levados quando bebês do Brasil  para Israel.


26 anos de idade e um desejo: Saber quem é a mãe, onde ela está, como ela é!  

Foi com este pensamento que Yoav de Israel, em início de agosto de 2012, resolveu mandar-me um recado, via mensagem pelo Facebook,  dizendo o seguinte:

Desaparecidos do Brasil


"Hello Amanda,
My name is Yoav, i was adopted from brazil in 1985 & live in Israel.[...] i was hoping maybe you could kindly help me in my search, as i failed so far finding contacting my biological family on my own...[...]


Apenas uma data de nascimento e o nome da mãe biológica. Na certidão de nascimento a informação que nascera em Bombinhas/SC.











Nosso primeiro resultado pela busca   da mãe desse jovem  foi um choque: Ela havia entrado em óbito em 2003, em Alvorada/RS. 

Como dar uma notícia dessas para um filho  cujo sonho era conhecê-la?
Conversamos sobre isso, Sandra Chialastri e eu e decidimos  ir atrás  da família biológica e descobrir se não haveriam irmãos, pelo menos teríamos algo positivo para apresentar à Yoav.

Tarefa difícil. A família Della Costa é muito grande e fizemos uma lista extensa com  nomes de possíveis parentes, aos quais fomos  telefonando e descartando a medida que nos diziam não conhecer  nenhuma pessoa com o nome de Maura Ivone.

Os dias se seguiam e os resultados negativos iam se acumulando mas continuamos firmes no propósito com esperança de encontrar algum filho ou parente de Maura Ivone.

Em 20 de agosto, numa última tentativa,   decidimos enviar uma correspondência em nome  do Desaparecidos do Brasil, à ouvidoria da Prefeitura de Erechin,RS, solicitando informações sobre tal família, pois  havia indícios que seriam daquela cidade.

Qual não foi a minha  grande surpresa ao receber, quase que imediatamente, uma ligação da Michele Onhatte, responsável pelo setor da Prefeitura, ao qual eu escrevera a menos de uma hora atrás.  

Ela interessou-se em saber do que se tratava e expliquei à Michele  que havia uma pessoa no exterior em busca da família biológica e ela não mediu esforços  para nos ajudar, localizando, em pouco tempo,  Darlise uma prima de Yoav.

Uma porta se abriu! Coisas assim só acontecem por uma força superior, de outra forma não seria possível tal resultado.

Darlise inicialmente ficou surpresa com a história de sua tia que ela  não via desde criança, sabia que ela havia falecido mas não conhecia seus filhos. Encantou-se com a história de Yoav e  imediatamente foi atrás  do paradeiro dos outros primos, filhos de sua tia Maura, localizando-os em Porto Alegre, RS.

É uma linda história, Maicon o mais velho,  tornou-se o responsável pelos demais irmãos e também recebeu maravilhado  a notícia  desse novo irmão em Israel.

Agora já tínhamos uma família para apresentar para Yoav e assim o fizemos.  Eles já estão em contato, já se comunicaram por mensagem apesar da dificuldade  dos idiomas e  Yoav pretende aprender português para facilitar a comunicação entre eles.

Desejamos que sejam todos muito felizes.

Agradecimentos à Sandra M. Mendonça, Andrea Marcondes e  especialmente à pessoa de Michele Onhatte, da ouvidoria da Prefeitura de Erechim/RS, um exemplo de profissionalismo e solidariedade humana, cuja ajuda foi fundamental. 


I.Amanda Boldeke e Sandra Chialastri -
28/08/2012




MATÉRIA EM DESTAQUE NO JORNAL BOA VISTA - RS em Nov/2012

Yoav Desaparecidos do Brasil

Link da matéria  ... Jornal Boa Vista

Leia mais....

ASSUNTOS RELACIONADOS:     





► Tráfico Internacional no Rio Grande do Sul





Comments